Web Analytics
27 de janeiro de 2017

REVISTA GERAL BAHIA

INFORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE

Em Macarani: Com carros compactadores quebrados na primeira ronda de serviços coleta do lixo voltou ao bom e velho estilo caçamba.

COMPACTADORES QUEBRADOS, CAÇAMBAS DE VOLTA.
Apresentados
como primeira grande novidade da administração municipal, em caráter
emergencial para dinamizar a coleta de lixo, os caminhões compactadores não
resistiram ao primeiro dia da complicada limpeza pública das ruas de Macarani.
Agora, os dois caminhões estão parados e quebrados na garagem da Prefeitura,
sem cumprir o papel para o qual foram alugados, mas com certeza dando lucro ao
dono que não tem nada a ver com a quebra dos seus caminhões que foram entregues
em perfeito estado de funcionamento.

Isso é
que é aprendizado rápido de como desperdiçar o dinheiro público.
Macarani
foi entregue totalmente limpa, coleta de lixo funcionando muito bem com o mesmo
método de três administrações anteriores, feita com três caçambas e em horários
e calendários já conhecidos por todos. Mas nada que seja do passado, mesmo
estando dando certo é bom para a administração novos tempos, nem métodos e nem
profissionais.
Eis
que no maior mistério (desvendado antes pelo RG), surge a grande novidade: dois
caminhões compactadores alugados para a limpeza pública urbana em caráter
emergencial (dois meses), ao preço de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) por mês
cada um no valor total de R$ 60.000,00(sessenta mil reais) os dois ao final do
contrato que terminará em março.

que no primeiro dia de serviço os robustos carros compactadores não resistiram,
quebraram e hoje estão estacionados na garagem da Prefeitura e a coleta voltou
as tão conhecidas e eficientes caçambas que sempre estiveram presentes no dia a
dia da limpeza da cidade.
“Rapaz, ainda bem que aquelas tranqueiras quebraram, pelo
menos caçambas são três e a gente trabalha menos. Os caminhões compactadores
são só dois e isso obrigava a gente a trabalhar até meia noite, uma hora da
madrugada.”

Comentou um dos rapazes da limpeza questionado pela nossa reportagem.
Bem,
os caminhões estão quebrados, parados na garagem como mostra as fotos tiradas
pelo nosso competente fotógrafo, Wellington Gonçalves, e quem está pagando a
conta? O aluguel ainda tem mais um mês e meio no mínimo e a JMRV, não vai
querer  receber os carros quebrados e nem vai querer deixar prá lá os seu
recebimentos.
E se as caçambas
voltaram com a mesma eficiência de sempre, fica a pergunta: qual a verdadeira
necessidade do aluguel dos carros compactadores? Com a palavra o Dr.

Compartilhe via: