CASO DE POLÍCIA – Homem que atirou em ex-genro em Itabaí se apresentou a Polícia, foi ouvido e liberado.

IMAGEM ILUSTRATIVA

“Seu Jesulino Ribeiro Arruda, morador do Distrito de Itabaí e que no
último sábado(04) atirou contra o seu ex-genro, Lécio Brito da Fonseca, se apresentou nesta segunda-feira(05)
acompanhado do seu advogado na Delegacia
do Complexo Policial de Macarani
onde foi ouvido e em seguida liberado”.
Entenda o caso: Segundo a versão
contada por seu Jesulino: há cerca
de dois anos sua filha decidiu se separar de Lécio Brito Fonseca, e voltou a morar na casa do pai com as duas
filhas menores do casal. Lécio
inconformado com a separação vivia ameaçando a jovem, que incomodada com a
situação foi morar em Vitória da
Conquista
onde arrumou emprego para ajudar no sustento das filhas que
ficaram com os avós em Itabaí.
Sem
a ex-mulher para importunar, e mesmo sem pagar um centavo de pensão alimentícia
para as filhas, Lécio passou a
voltar suas ameaças contra o ex-sogro, e, no último sábado por volta das 13h00
invadiu a casa de seu Jesulino que
não teve alternativa a não ser se defender, e, como Lécio partiu para a
agressão o ex-sogro acabou lhe desferindo um tiro de revólver.

JUCILANDE VOLTA A PEDIR PELA SEGURANÇA DE ITABAÍ
Lécio foi levado para Macarani onde foi atendido no Hospital São Pedro e depois transferido
para Vitória da Conquista onde
passou por cirurgia para retirada do projétil que ficou alojado no ombro. O
estado de saúde dele é estável e não corre risco de morte.
Nesta
segunda-feira (05) o Vereador
Jucilande Rocha (PSD),
representante de Itabaí citou o fato na sessão
ordinária da Câmara de Vereadores,
onde mais uma vez voltou a pedir pela segurança pública no Distrito de Itabaí, que carece de pelo menos dois guardas
municipais para ocuparem o Posto
Policial
do Distrito que está
desativado e que até recentemente era utilizado como uma peixaria.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *