POLÍTICA – Vereador Gláuber Costa apresenta hoje na Câmara parecer do TCM sobre votação das contas do ex-prefeito Carlinhos.

GLÁUBER PODE VIRAR A MESA?
No dia 09 de Outubro de 2017, o Vereador Gláuber Costa (PODEMOS),
entregou ao Presidente da Câmara De
Vereadores, Edmílson Lima
, ofício protocolado na Secretaria da Casa
Legislativa, dando conta de quê: “o que foi dado como aprovado, na
verdade foi reprovado”.

Tente entender: O
assunto diz respeito à votação ocorrida no dia 27 de março de 2017,
que rejeitou o parecer prévio do TCM (Tribunal de Contas dos
Municípios) 
e aprovou por sete votos a favor e
 quatro contra,
 as contas do Ex-Prefeito Antônio
Carlos Macedo de Araujo (Carlinhos)
relativas aos exercícios de 
2012,2013 e 2014 todas com parecer prévio do TCM opinando pela rejeição.

Segundo o ofício do
Vereador, o número de sete votos não alcança a maioria de dois
terços de 11 vereadores
 conforme artigo 31 parágrafo 2º
da Constituição Federal 
que é a Lei Maior desse
país e se sobrepõe a Lei Orgânica do Município e ao Regimento
Interno da Câmara
.
Baseado nessa tese, o
ofício do Vereador Gláuber Costa, pediu que a Mesa Diretora da
Câmara de Vereadores,
 que comunicou a aprovação das contas, refaça
o comunicado e confirme que as contas foram reprovadas e
que a retificação fosse encaminhada inclusive ao TCM depois de publicada no Diário Oficial.
Na oportunidade, o Vereador anunciou que
havia feito a notificação também ao TCM
(Tribunal de Contas dos Municípios)
e solicitado parecer do órgão que
analisa e vota as contas dos gestores públicos municipais.
E nesta segunda-feira (26), o Vereador irá anunciar a resposta do TCM a sua notificação e
consulta. E, embora ele não tenha antecipado a Imprensa qual a resposta, pelo andar da carruagem os argumentos do Vereador tiveram eco e resposta
positiva do Tribunal.

E agora como fica? Se o TCM considerar que os
argumentos do Vereador procedem, a Câmara terá que refazer a publicação da
decisão e publicar como reprovadas as contas do ex-prefeito. A Sessão hoje será imperdível com
certeza.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *